quinta-feira, 28 de abril de 2011

Rita Lee e Roberto de Carvalho - Pega rapaz


Uma boa pedida: me pega rapaz, de frente e de trás, cada vez maisssssssssssss

Lembrança boa


Hoje pensei muito em você.
O desejo logo subiu, fiquei quente.
Tenho que te contar!
Num canto do trabalho, lembrei da gente.
E pensar no teu cacete me fez gozahrrrrrrrr...

Promessas...



Pena eu estar longe de você...
Se estivesse aqui te dava um apertado abraço
e tudo tudo podia acontecer.
Te dava um beijo e, em seguida, canseira e cansaço.
Dava minha boca com língua doce de te endurecer.
Dava um nó das minhas pernas no teu corpo feito marinheiro laço!
Deixava entrar em mim com todas tuas taras de enlouquecer.
E te abocanhava com vontades, unhas, desejos e dentes
e serviria minha xana e meu rabinho como pratos pra você comer.
De sobremesa sussurros, gemidos e palavrões indecentes
até você gozar muito e, ainda assim, insano, continuar a me foder...

Água na boca


Minha boca está saudosa de te beijar.
Então vem aqui!
E deixa teu corpo meus lábios saciar...

terça-feira, 26 de abril de 2011

Fome de madrugada


Coisa boa é encontrar você na net de madrugada.
Cheio de fome, procurando imediata saciedade.
Dizendo que só ia assaltar a geladeira,
mas, ao me ver aqui, a quilômetros da sua cidade,
mesmo assim, preferiu me comer inteira!
Fico lisonjeada. Onde está sua seriedade?
Quem sabe escondida na vontade de sentar numa cadeira
e degustar a mim, primeiro, antes de toda a variedade
de mulheres-frutas à sua espera...
Pode escolher entre as maçãs do meu rosto
ou meu mel
o importante é provar todo meu gosto
e matar a fome tua e minha me lambuzando com o teu "bechamel"...


domingo, 24 de abril de 2011

Coelha sem-vergonha


Hoje eu espero um coelho
Que venha todo preparado.
Que me deixe de joelhos,
louca pra comer sua cenoura e seus ovos em separado
Que me ponha de quatro
E entre na minha toca
(Que também é sua, pois é no meu quarto)
E me agarre a cintura e me beije a nuca!
Que seja um pouco depravado,
Quando por a língua na minha boca.
Que fique sentado,
enquanto em cima de si me coloca.
Que seja macho bem safado
e que me faça gemer tanto quanto me provoca
e que só me largue (?), quando eu tiver dez vezes gozado.


quinta-feira, 21 de abril de 2011

segunda-feira, 18 de abril de 2011

Constatação

Essa minha bunda safada
gosta de pau com pegada!
Porque gosta de sentir aCUada...

Tarada turista


Lembro que voei ao teu encontro
e por todos teus poros, de língua, "caminhei".
Visitei lugares em teu corpo
e te senti mais comigo do que quando te encontrei.
Fotografei todos os bons momentos
e fiz uma coleção de gemidos de todas as vezes que contigo gozei!
Por isso, até agora, não te tiro do pensamento.
Penso em ti - e em tua protuberância.
E fico assim, puta sem dono, dia e noite nesse tormento!
De não tê-lo bem "aqui" em minhas reentrâncias!
De não matar minha sede de teu corpo. Ah! Só lamento!
De estares longe e não saciares as minhas mais taradas ânsias
e eu ter que dar pra outro. Por quê? Porque não aguento...

Agradecimento


Foi muito boa
a viagem que fiz!
Percorri teu corpo à toa.
E fui, simplesmente, feliz...

domingo, 17 de abril de 2011

Tesão continental


Ah! Homem continente!
Cheio de cordilheiras
Adoro te alcançar como a um prêmio indecente.
Causador das minhas olheiras
e motivo de meu pudor ser ausente,
vem me deixar sem eira e nem beira
vem ser com meu tesão faminto complacente!
Que prometo percorrer de novo teu mapa de saliências
E deixar você se deliciar com sabores feitos da gente
Apimentar teu corpo de concupiscências
E fazer sentir coisas que com ninguém mais sente.
Sim, sou sua puta sem paciência!
Que gosta de você safado, mas também complacente.
Para entender que nossa ciência
Só se comprova quando estamos unidos num boca a boca pra sempre...




Lembranças


O melhor da minha viagem
foram as sensações que você me proporcionou
e eu trouxe na minha mente-bagagem...

Desejo


Uma semana sem você.
Sinto um "vazio" em mim...
E, no meu querer,
ele só pode ser preenchido ah! sim...

quinta-feira, 7 de abril de 2011

Viajando


Saio em viagem
pra ver se você
não é só uma miragem...
Pra sentir você
e sua deliciosa vadiagem...
Pra te dar prazer
e deixar você contar vantagem...
Sobre como me pegou de quatro
e de como foi sua abordagem...
Mas prepare o seu querer.
Quando eu chegar, quero tudo. E quero mais!
Quero sentir seu tesão de marinheiro
aportando em mim, forte, como se eu fosse puta de cais...
E, ao invés de dinheiro,
me paga com tesão, gozo e tudo mais...
Vem devagar. Depois vem ligeiro!
Deixa eu não ficar em paz.
Vem me embebedar de teu cheiro
de homem forte, capaz...
Deixa eu ser tua gueixa
e você, samurai que me come muito, alheio aos meus ais.
Mas que mesmo assim não se queixa
porque não gozou assim, jamais...

domingo, 3 de abril de 2011

Safada cumplicidade


Gosto quando, num átimo de segundo,
no meio do dia,
teu olhar me beija bem fundo.
E, embora mulher, me sinto a guria
mais safada do mundo...

Faminta


Minha boca tem fome
de beijar seu corpo
e te fazer meu homem.

Contando o tempo


Agora falta pouco.
Só mais uns dias.
Para que eu te deixe louco
e acabe essa agonia...
Só mais um tempo,
pra gente trabsbordar pelos poros
todos os nossos pecaminosos pensamentos!
Você sabe que o quero.
E que sua presença está comigo a todo momento.
Em meus devaneios,
vontades e tormentos...
De esperar suas mãos em meus seios,
ou sua boca calando meus lamentos.
De ter você nos meus meios
livre de mesquinhos sentimentos.
E poder gritar pra toda cidade
que nosso sexo é delicioso alimento.
E, que, sem falsa moralidade,
degustamos de nossa gula fora e dentro e dentro e fora... do meu apartamento...

Duplo

Você se faz de bruto.
Um verdadeiro homem das cavernas.
Mas sei que sabe ser gentil e adulto,
com sua clava bem no meio das minhas pernas...